20/08/2007

o grande rio dos fatos [...]

o grande rio dos fatos
deságua em lugar nenhum
e, no entanto, corre
desesperado,
como se isso fosse incomum.

procura-se um nome
que seja digno desses fatos.
qualquer um
que não falte nem sobre:
um nome exato.

o rio não é largo nem profundo,
não vive de idéias, nem tem muitas sortes...
e por mais que se procure por todos os lados
o grande rio dos fatos, no fundo,
tem em si seu nome exato,
que é não ter nome
algum.

2 comentários:

laura lima disse...

e ae,mano?
achei seu blog também wa ha ha ha
nossa..o rio dos fatos..profundo!
acabei de ver simpsons,ainda to na vibe da piada..mas achei bem legal,parei de rir um pouco.

falou,parcerági!

Marta Toledo disse...

la pelas tantas eu achei isso aqui e adorei o grande rio dos fatos
marta