18/03/2008

Não sou artista [...]

Não sou artista.
Nasci para ser elo
(não eco, elo)
mas nunca serei o mais fraco.
Não farei imagens.
Serei uma face no documentário:
anônima, mas interessante
feito um livro esquecido
na poeira do tempo da estante.
Não crio receitas, as escrevo.
Sou um bibliotecário
infeliz, agressivo e rebelde
batendo com força seu cartão de ponto
mas indicando bons livros enquanto,
solitário,
escrevo meus próprios.

3 comentários:

Servidores disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Ludmila disse...

escreve e sonha um pouco.

depois vende os sonhos.

presumo.

Ludmila disse...
Este comentário foi removido pelo autor.